RadioCulturaViva.Com
                                   MÚSICAS E INFORMAÇÕES 24 HORAS POR DIA                                                                                       

DANDARA: A GUERREIRA DE PALMARES

05 NOV 2016
05 de Novembro de 2016

Imagem ilustrativa


Uma das maiores lideranças quilombolas que se tem notícia, Dandara foi determinante para a resistência de Palmares. Não se tem uma informação precisa sobre seu nascimento. Mas tudo leva a crer que, se ela não nasceu em Palmares, chegou por lá muito cedo. 

Ajudava nas plantações, mas sua inquietação a tornou a melhor capoeirista do Quilombo. E a força feminina do exército Palmarino era de sua responsabilidade. Era Dandara quem treinava as mulheres guerreiras para os combates (que não foram poucos).

Esposa de Zumbi, teve três filhos com ele. E muitas das decisões do marido era em comum acordo com ela. 

No levante contra o líder Ganga Zumba, que queria aceitar um acordo com a coroa portuguesa, ela foi uma das primeiras vozes a gritar contra. 

Segundo consta na maioria das versões, Dandara foi morta em combate no dia 06 de fevereiro de 1694, no ataque comandado por Domingos Jorge Velho, que destruiu Macaco (Capital do Quilombo dos Palmares).

Voltar